Alto índice de ciberataques com ransomware deixa as empresas em alerta

Para combater é fundamental entender como o vírus age, treinar os usuários e investir em infraestrutura, que conte com uma parceria atuante de TI

O ano de 2021 foi bem diferenciado não somente por causa da pandemia do covid-19, mas também por ser marcado pelo grande aumento de ciberataques. Um dos facilitadores para essa ofensiva de acesso a dados e redes confidenciais foi que muitas empresas tiveram que colocar seus profissionais em trabalhos home office, devido à necessidade do isolamento social.

O ransomware, que faz parte da família do vírus malware, é um software de extorsão que pode bloquear o computador e depois exigir um resgate para desbloqueá-lo. Ele é conhecido como Trojan, ou Cavalo de Troia de criptografia, que se prolifera e segue métodos e procedimentos (TTPs) cada vez mais maléficos. O programa malicioso age de duas formas: como Locker, impedindo o acesso ao computador, que fica inoperável, e Cryptor, bloqueando arquivos.

A maneira como o ransomware age não é nova e, mesmo assim, tem enganado os usuários através de e-mails com links ou anexos maliciosos. Normalmente, quem clica pensa que é algo importante, como uma convocação ou notificação de bancos, notícia, prêmio, uma promoção e até a oferta de um programa gratuito de eliminação de vírus.  Quando clica ou baixa o anexo, acaba fazendo o download de um criptografador, tornando-se automaticamente um “refém digital” — sem conseguir acessar aos arquivos ou ao sistema operacional, tendo acesso apenas a uma tela que solicita um resgate financeiro para liberação, que nem sempre é uma certeza do acesso ao sistema/arquivos novamente. Para piorar, depois de infectar um equipamento, ele se expande para outros sistemas vulneráveis conectados à rede local.

Como evitar o ciberataque?

Ainda que alguns programas antivírus removam o ransomware eficazmente, pode não solucionar a invasão, pois o Trojan criptografa os arquivos e o sistema e será necessário decodificá-los para obter o acesso a novamente, o que pode levar muito tempo. Então, para evitar que isso aconteça, a melhor coisa é utilizar medidas preventivas.

Para impedir os ataques, algumas medidas são muito importantes , como: não sair clicando em links tentadores, cuidado ao abrir anexos de e-mails,  evite programas de sites não oficiais e de lojas (mesmo que conhecidas); não visite sites pouco confiáveis; evite a divulgação de dados pessoais; nunca use pen drives USB desconhecidos; mantenha os softwares, o antivírus, o sistema operacional, o navegador e os plug-ins sempre instalados e atualizados; instale um antivírus com solução específica para proteger o computador ou dispositivo contra ataques de ransomware; faça backups frequentes dos arquivos e salve em mídias externas ou na nuvem.

Além desses cuidados — com os ataques de toda família malwares, incluindo o ransomware à infraestrutura de TI das organizações —, é muito importante estabelecer uma política de segurança da informação que previna e reaja rapidamente a ofensiva. Também é essencial manter um processo estratégico e contínuo de treinamento e educação dos profissionais da empresa sobre segurança da informação, pois nem todo usuário tem conhecimento técnico de TI.

Para um monitoramento constante, identificação de falhas em processos e ameaças digitais é fundamental que a empresa tenha apoio de um parceiro de TI especializado, que ofereça e administre a infraestrutura, mantendo os dados corporativos da empresa em segurança. A tendência do momento para uma frequente atualização de dispositivos, software e sistemas operacionais é a contratação de um outsourcing de TI, que, além de locar equipamentos de tecnologia atualizados, presta todo serviço relacionado aos mesmos, sem gerar altos custos para a companhia.

E sua empresa, já está se protegendo contra o ransomware?

Caso tenha dúvidas e queira mais informações, entre em contato com a Arklok e saiba como podemos ajudar a sua empresa a se proteger contra essa ameaça! Interaja conosco também pelas nossas redes sociais LinkedInFacebook e Instagram  e fique por dentro das soluções disponíveis para sua empresa!

Até o próximo post!

Compartilhe

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

CADASTRE-SE E RECEBA NOSSOS CONTEÚDOS E PROMOÇÕES

mobile-newsletter-arklok