Automação Como Estratégia Empresarial Na Gestão De Pessoas

A tecnologia aperfeiçoa rotinas e amplia o relacionamento com os colaboradores

Com a pandemia da covi-19 muitas empresas foram forçadas a se adaptar a uma nova experiência ao adotarem o trabalho remoto. A mudança teve que ser rápida e veio para ficar, pois, por mais que muitas companhias já estejam retornando gradativamente ao presencial, os processos tradicionais ainda necessitam passar por uma transformação tecnológica, visto que a possibilidade de a empresa funcionar a distância não pode ser mais descartada daqui para a frente.

Essa mudança é positiva e é responsável por uma importante modernização na infraestrutura do RH, que aperfeiçoa a comunicação e deixa os processos fluidos, sem prejudicar a produção.  Com o teletrabalho, home office e o modelo de trabalho híbrido, as empresas flexibilizaram alguns aspectos, descobrindo estratégias e até vantagens que também são muito importantes no trabalho presencial.

O aperfeiçoamento da infraestrutura de tecnologia torna os processos mais eficazes e resulta em mais inteligência e assertividade das atividades desenvolvidas pela equipe profissional de recursos humanos. O aperfeiçoamento da gestão de pessoas é uma área estratégia em muitos negócios e também é um facilitador no processo de atração e retenção de talentos.

Atualmente, a busca por melhorias no cotidiano das companhias na troca de informações, comunicação interpessoal e relacionamento com os profissionais são fundamentais e, por isso, as empresas não podem ficar obsoletas quanto ao aparelhamento, conectividade e a modernização da atualidade. Os dispositivos móveis e o desenvolvimento de aplicativos de mensagens e vídeos, chegaram para revolucionar e eliminar inúmeros problemas de comunicação.

As empresas, que querem crescer e se tornar cada vez mais organizacionalmente produtivas e rentáveis, não podem descartar a renovação do operacional, que já não deve mais ser demorado e ineficiente quanto a resultados, diante da nova realidade que se apresenta tão dinâmica e diferenciada.

O chamado RH 4.0, com o uso da inteligência artificial, é um importante recurso para mapear o comportamento da equipe profissional e fazer distinção de talentos e perfis, mesmo sem um contato presencial e físico.

A frase “o tempo vale ouro” nunca foi tão atual nesta época onde a lucratividade e o desenvolvimento operacional dependem do uso inteligente do nosso precioso tempo. Por isso, é muito importante investir em uma infraestrutura que traga agilidade para todos os processos. Lembrando que a inserção de tecnologias reduz esforços, otimiza e agiliza a rotina do RH, com o uso de softwares que apresentam resultados imediatos, diminuindo falhas.

É libertador para os departamentos das companhias a facilidade de troca e acessos a arquivos e documentos sem que necessariamente o funcionário tenha que estar dentro da estrutura física da empresa. Também não há necessidade de estar sentado à frente do seu computador de trabalho habitual para checar uma informação. Antes essa dificuldade impedia a evolução das demandas e retardava as metodologias e resoluções. 

Agilizando processos operacionais e burocráticos com inteligência artificial, os profissionais podem se concentrar mais em demandas e soluções estratégicas no desenvolvimento da companhia. Sobrando tempo até para treinamentos e aperfeiçoamentos on-line, com foco em uma melhor formação e capacitação técnica das equipes.

Outro aspecto que deve ser levado em consideração é, também, a diminuição de custos, pois estruturas bem equipadas resultam em menor rotatividade de profissionais e gasto com processos de recrutamento e seleção. A digitalização também reduz o uso e descarte de papéis. Além disso, a tecnologia que viabiliza o home office é sustentável e gera enorme economia em diferentes aspectos, como: telefonia, energia elétrica, água e esgoto, eliminação de resíduos e cortes brutais nas horas utilizadas para deslocamento. Já para os profissionais, os benefícios vão desde melhor qualidade de vida, menos riscos com deslocamento, maior produtividade e menores gastos em vários sentidos, como transporte e alimentação.

Portanto, se seu negócio ainda não entrou de vez no contexto da automatização dos processos, é necessário um planejamento que traga uma modernização tecnológica na gestão de pessoas e no dia a dia da companhia.  Já parou para olhar a evolução da concorrência? Num mercado tão competitivo não dá para economizar em infraestrutura.

Não tem outra maneira de acompanhar os avanços sem mudar também a forma de pensar o trabalho, tendo sempre como objetivo e visão o lugar onde sua empresa quer chegar.

Você sabia que através do outsourcing de TI há como modernizar a tecnologia da área de gestão de pessoas e RH com assistência técnica e economia? 

Para ficar por dentro das novidades de infraestrutura de TI, tirar suas dúvidas, saber mais e interagir conosco, siga-nos nas redes sociais: LinkedInFacebook e Instagram.

Até o próximo post!

Compartilhe

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

CADASTRE-SE E RECEBA NOSSOS CONTEÚDOS E PROMOÇÕES

mobile-newsletter-arklok